O que é um Primordial?

Muito se especula sobre como ou porque surge um Primordial, e poucas são as respostas, mas acima de tudo existe as palavras do maior conhecedor sobre Primordiais, Angelus, Arconte de Deus:

Um Primordial pode surgir por acidente, destino ou treinamento, mas qualquer que seja o motivo aparente, na verdade é porque ele recebeu de Deus um dom que permite a ele ser Força e Inspiração aos seres humanos. Em tempos passados, alguns Santos e Mártires foram Primordiais. Embora não possa com isso subentender-se que qualquer Santo ou Martir seja um Primordial, é notável perceber que muitos deles são Força e Inspiração às pessoas.

Outra definição que é interessante foi revelada por L’Khurn, o Mestre Atlante, por meio de seu principal subordinado, Galadron, a Cairo:

Segundo as pesquisas do povo Atlante, os Primordias existem desde as épocas antigas, antes mesmo de Atlântida, Lemúria e Mu existirem. Já receberam diversas denominações como “sobrehumanos”, “heróis”, “gênios”, “mutantes” e outras, mas não correspondem exatamente a nenhuma delas. O que se sabe com certeza é que todo Primordial detem algum poder especial ou foco ao qual ele domina em um nível que ultrapassa e muito as habilidades do ser humano tradicional. Claro que ele pode utilizar seus poderes para outras coisas, mas normalmente esse foco representa seus desejos e vontades.

Na realidade, existe muito mistério sobre o surgimento e objetivo dos Primordiais, mas realmente confirma-se o que Angelus e L’Khurn disseram sobre os mesmos: em geral, um Primordial surge por Destino (como John Bolton, Hassan e Nina), Treinamento (Katsuya, Suzan e Yelena) ou Acidente (Cairo e Nina).
Quando um Primordial surge (ou Desperta ou se Ilumina, entre outros milhares de termos), o Primordial desenvolve um talento, que é chamado basicamente de Dom. Por exemplo: o Dom de Katsuya é sua grande habilidade em Artes Marciais, em especial no Kyuuryuujinkai Karate, enquanto a de Suzan possui o Dom de sua Voz Angelical. Com esse Dom é que o Primordial servirá como inspiração aos seres humanos e enfrentarem os inimigos da humanidade, como Tar-Amaron e (até algum tempo atrás) o próprio Mestre Atlante. Existem muitos outros inimigos, como Tupac Zapator e outros, e muitos mistérios ainda devem ser revelados, e é assim que os Primordiais enfrentam os desafios de um mundo em mutação.

Criando um Primordial

É possivel criar um personagem para uma campanha de Primordiais sem que ele seja um Primordial: o processo de criação de personagens de Espírito do Século serve perfeitamente para isso. Porém, um Primordial exiger apenas que um de seus Aspectos (de qualquer Fase) seja definido como “Primordial”.
Aspecto “Primordial”
O personagem é um Primordial, dotado de um dom ou habilidade que visa inspirar os seres humanos:

  • O Jogador pode invocar esse Aspecto para:
    • Realizar uma Ação baseada no seu Dom, mesmo já tendo usado Aspectos que reflitam-o previamente;
    • Agir de maneiras a valorizar seus Dons;
  • O Mestre pode disparar esse Aspecto para:
    • Impor problemas devido ao Dom do personagem
    • Alinhar as ações do personagem em relação ao Dom

De resto, não há obrigações especiais para que o personagem seja criado: a seleção de Perícias e Façanhas é normal e segue as regras principais normalmente, assim como posses iniciais e afins. À exceção do Aspecto Primordial, não existem diferenças entre um Primordial e outro qualquer.
De qualquer modo, converse com o Mestre sobre a história do seu personagem e indique a ele o Dom do mesmo. É interessante que exista um ou mais Aspectos que representem esse Dom, além de Primordial. Desse modo, o personageme será mais complexo e real, além de deixar claro a missão do mesmo.
Isso, porém, nem sempre é necessário, principalmente se o personagem a ser criado tornou-se um Primordial por acidente (como Cairo). Nesse caso, o jogador e o Mestre podem chegar a um acordo de se uma determinada coisa é parte do Dom do personagem ou não conforme a aventura vai acontecendo. Uma vez que o Dom seja definido, deve ser descrito corretamente e, se possível, um dos próximos Aspectos deve ser alocado para isso.

Powered by ScribeFire.

Aventura de Terrorismo Médico: Montanhas da CULPA

Faz algum tempo que não posto nada sobre FATE/AFIM propriamente dito, então vamos lá!
Pois bem, no último Encontro Internacional de RPG eu mestrei uma aventura de FATE – Terrorismo Médico para algumas pessoas, incluindo ai o Phil do Dados Limpos, e as opiniões foram bastante interessantes. Pois bem, estou publicando a aventura em questão, chamada “A Montanha da CULPA”.
Link para download: https://maisquatro.files.wordpress.com/2008/10/aventura-trauma-center.pdf

Powered by ScribeFire.

Cenário: FUDGE Harry Potter

Se você ainda não sabe do que se trata a série Harry Potter (onde você esteve todo esse tempo?), ela fala de um garoto órfão (o que dá nome à série), que até os 11 anos de idade desconhece seu maior segredo, o fato de que ele, assim como seus pais, é um bruxo, ou seja, alguém capaz de utilizar Poderes Mágicos. Ao descobrir isso, quando faz 11 anos, é mandado para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, dirigida por Alvo Dumbledore, um bruxo poderoso, amigo e professor de seus falecidos pais. Lá, encontra inimigos, forma amizades, e descobre mais sobre seu passado e sobre a situação na qual os seus pais foram mortos.
Muitas crianças em todo o mundo passaram a se interessar pelas histórias desse jovem bruxinho, tanto que acabou chamando a atenção até mesmo do cinema. Muitos adultos, também, passaram a se interessar pelo mesmo. Além da série de livros (sendo o último publicado em português na época em que este módulo foi escrito “Harry Potter e a Ordem da Fênix”), foram publicados livros derivados, card games e outros itens de merchandise.
Muitos RPGistas imaginam-se qual a vantagem de utilizar-se um ambiente como esse em RPG. Utilizando-se da comparação que Lalo fez na matéria da Dragão Brasil que inspirou esse módulo (e à qual esse adapta para o Sistema Fudge), Harry Potter trabalha com uma temática muito usada no RPG, a de um mundo que, em segredo, compartilha do nosso, aonde uma sociedade com poderes especiais têm suas próprias intrigas e ordem social. E é sobre essa sociedade que iremos falar.
E essa é uma sociedade que precisa de aventureiros, ainda mais após o retorno do mais poderoso bruxo das Trevas do século, Lord Voldemort. Hogwarts e o mundo da magia correm um sério risco na mão de Voldemort e de seus capangas impiedosos, os Comensais da Morte.
Mas os personagens não estarão sozinhos: existem aliados, como a força esparsa da Ordem da Fênix, e os alunos de Hogwarts que acreditaram nas
palavras de Dumbledore e se uniram no Exército de Dumbledore, capitaneado por Harry Potter e seus amigos, e tendo sua inspiração no bruxo que deu seu nome como símbolo do exército, o único a quem Voldemort teme.
E nesse mundo, os personagens deverão agir, contando com a magia como sua aliada.
Sistemas de combate entre personagens e evolução de personagens não foram colocados pois prefiro deixar essa questão a critério de cada Mestre. No módulo básico do Fudge (que você pode copiar na seção Materiais e Links), você encontrará sugestões de como conduzir combates e evoluir personagens conforme sua campanha. No caso, foram incluídos um sistema de criação de personagem e um sistema de magia englobando as principais idéias de Harry Potter, além de descrições sobre o mundo do jovem bruxinho.
OBS.: Esse RPG contêm spoilers de todos os livros de Harry Potter até Ordem da Fênix. Se não leu tais livros e não deseja ter sua diversão estragada, não leia esse documento. Você foi avisado!!!

Cenário: FUDGE Carga Pesada

Esqueça as Espadas. Esqueças as Magias. Esqueça os kamehamehas. Esqueça os Alorromoras. Esqueça tudo isso.
Em Carga Pesada RPG, você será apenas uma pessoa comum, que vive nas Estradas do Brasil, tendo os problemas que pessoas comuns, que vivem nas Estradas do Brasil, têm.
Mas nas Estradas do Brasil também existe espaço para heroísmo: assaltos, tráfico de drogas, armas, prostituição, corrupção, escravas brancas, sofrimento, doenças… Tudo isso acontece, esperando apenas que verdadeiros Heróis das Estradas, pessoas comuns que fazem a diferença, aceitem os desafios impostos por ela.
Esse RPG é apenas baseado na série de TV “Carga Pesada”, um clássico da televisão aonde dois caminhoneiros, enquanto trabalham transportando cargas por todos os lados do País resolvem problemas do cotidiano. Essa série foi sucesso nas décadas de 60 e 70, e agora está para ser reprisada.

E é isso.

Esse não é um RPG sobre pessoas superpoderosas decidindo o destino do mundo. É sobre pessoas simples e comuns que dedicam-se ao próximo, fazendo o possível para fazerem a diferença.

E elas fazem.
Afinal de contas “elas conhecem todos os sotaques.”

Sistemas de combate entre personagens e evolução de personagens não foram colocados pois prefiro deixar essa questão a critério de cada Mestre. No módulo básico do Fudge (que você pode copiar na seção Materiais e Links), você encontrará sugestões de como conduzir combates e evoluir personagens conforme sua campanha. Esse módulo trás regras para a criação de personagens, veículos, direção e fadiga.
Esse módulo pode também ser explorado em propostas como “Initial D” ou “Veloses e Furiosos”

Mini-cenário para FUDGE/FATE: Terrorismo Médico

(Baseado no jogo de Nintendo DS: Trauma Center – Under The Knife)

Ano de 2018. O mundo é o mesmo de sempre. As pessoas adoecem e podem morrer. Porém, com a evolução da tecnologia e da medicina, doenças anteriormente consideradas incuráveis, como diversas variantes de Câncer, AIDS, EBOLA e outros tornaram-se doenças que, embora ainda possam matar, com o cuidado adequado podem ser curadas rapidamente.
Mas, como sempre, existem aqueles que desejam o mal para as outras pessoas: uma organização terrorista conhecida como DELPHI tem atuado contra as pessoas, criando poderosos vírus e bactérias geneticamente modificados conhecidos como GUILT (Gangliated Utrophin Immuno Latency Toxin, ou Toxina Imunolatente Atrofiante Ganglial, em uma tradução livre) que, causando intensa dor e sofrimento às suas vítimas vêm fazendo não apenas vítimas, mas fazendo-as desejar a morte. Comandada por seu misterioso líder Adão, essa organização acredita que as pessoas devem ser “abençoadas” com as doenças e com a morte, e que não cabe a médicos “decidirem quem vive e quem morre”.
Para enfrentar a DELPHI, a ONU mantêm uma organização ligada a si chamada CADUCEUS. Dividida em três ramificações principais (América, Europa e Japão), a CADUCEUS possui os melhores médicos, biotecnólogos, engenheiros químicos, enfermeiros e outros especialistas em diversas áreas médicas e ligadas a elas para combater as doenças. Mas não apenas a DELPHI é seu inimigo: grandes corporações da área médica também não gostam de seu trabalho, uma vez que as pesquisas da CADUCEUS invariavelmente são disseminadas pelo mundo de maneira abnegada, o que acaba resultando em perdas às mesmas. Ao mesmo tempo, a CADUCEUS mantêm parcerias com empresas, órgãos e entidades interessadas em ajudar a humanidade a sobreviver às terríveis pandêmias de doenças graves.
É nesse cenário que a batalha ocorre: o inimigo não apenas é forte, mas lida com uma forma mais terrível de terrorismo que o biológico ou químico (dos quais deriva), o “terrorismo médico”, jogando as pessoas contra os médicos.
É nesse cenário que os jogadores atuam.

Regras

FUDGE:

  • Atributos (5 livres):
    • Físicos: Força, Saúde, Percepção, Destreza
    • Mentais: Intelecto, Raciocínio, Espírito
    • Sociais: Ética, Carisma, Caráter
  • Perícias: À critério do Mestre. Medicina deve ser dividida entre diversas especialidades, sendo que Cirurgia também deve ser dividida em especialidades (Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Ortopédica, etc…). Biotecnologia e Patologia também contam como perícias. Sugere-se ainda que qualquer perícia Médica (à exceção de Primeiros Socorros) sejam Não-Existente.
  • Bençãos: À critério do Mestre, mais as seguintes.
    • CADUCEUS – Pertencer à CADUCEUS conta como três bençãos, devido ao acesso à tecnologia médica e biotecnológica de ponta. O Mestre pode exigir pelo menos uma Perícia Médica Soberba para que o personagem possa pertencer à CADUCEUS.
    • DELPHI – Integrar a DELPHI conta como apenas uma benção, devido ao acesso à biotecnologia de ponta. Automaticamente o personagem recebe um Segredo Grave (revelar ser integranteda DELPHI é o equivalente a admitir ser terrorista, o que pode acarretar em prisão).
    • Toque de Cura – Algumas pessoas (como Derek Stiles e Robert Hoffman) são parte de uma linhagem de pessoas que, acredita-se, teria sido escolhido pelo antigo Deus Grego Asclépio (patrono da medicina) para possuirem a habilidade conhecida como “Toque de Cura” (Healing Touch no Jogo Original). Esse poder pode ser invocado pela pessoa para “paralisar o tempo” por alguns instantes mediante extrema concentração (testes situacionais ou de Espírito poderão ser exigidos). Durante esse período (imaginando que o médico tenha sido bem sucedido em invocar o Toque de Cura) o médico pode executar uma ação adicional por turno (mais ações adicionais por Grau Rolado). É possível, sob situações realmente EXTREMAS, que o médico invoque um SEGUNDO Toque de Cura (pelo menos 1 Ponto de Embuste + teste), onde o “tempo pára totalmente” por instantes. Nesse caso, o personagem dispara TODAS as suas ações imediatamente, além de somar ações adicionais nessa segunda invocação. Porém é extremamente arriscado o uso (considere que o sucesso obtido causa um dano que deverá ser resistido normalmente, apesar de o dano ser considerado como Ferido para efeito de cura). Cinco Bençãos.
  • Falhas – As que o Mestre desejar
  • Poderes Sobrenaturais – Nenhum, exceto se o Mestre quiser dar algum tom diferente à campanha. Terrorismo Médico parte do pressuposto da ausência de Magia ou Poderes Sobrenaturais, à exceção de “Toque de Cura”. Porém, se o Mestre desejar, NPCs poderão ter poderes sobrenaturais, principalmente se desejar criar “efeitos colaterais” dos GUILT

FATE/AFIM:

Em FATE/AFIM, como não existem atributos, bençãos e falhas, a maior parte das características viram Aspectos, que podem exigir determinadas perícias ou Aspectos para poderem ser acessadas:

  • Médico – Você é mais do que um mero conhecedor de medicina. Você tem autoridade e licença legal para atuar como médico, podendo trabalhar como um médico de qualquer tipo (desde que tenha as perícias necessárias).
    • O Jogador pode invoca o Aspecto para:
      • demandar autoridade ao realizar tratamentos;
      • conseguir soluções “milagrosas” para doenças ou enfermidades;
      • descobrir novos tratamentos médico;
    • O Mestre pode invocar o Aspecto para:
      • provocar complicações durante um tratamento médico;
      • alinhar as ações do personagem ao juramento de Hipócrates;
  • Enfermeiro – Você possui conhecimento, autoridade e licença legal para atuar como enfermeiro, de modo a poder aplicar medicações e atuar em conjunto com um médico.
    • O Jogador pode invoca o Aspecto para:
      • ter “insights” sobre a situação de um paciente;
      • auxiliar de maneira precisa e correta um médico em tratamentos;
      • descobrir e aperfeiçoar metodologias ao realizar procedimentos de enfermagem;
    • O Mestre pode invocar o Aspecto para:
    • provocar complicações durante um tratamento médico;
    • alinhar as ações do personagem ao juramento de Hipócrates;
  • CADUCEUS – Você é parte da organização CADUCEUS, combatendo graves enfermidades e enfrentando muitas vezes aqueles que criam doenças como a DELPHI. Você acredita que a pessoa deve ter direito à vida e à saúde.
  • Pré-requisito: Aspecto Médico, Enfermeiro ou relacionado
    • O Jogador pode invocar o Aspecto para:
      • os mesmos motivos de Médico;
      • ter acesso à biotecnologia da CADUCEUS;
      • obter informações confidenciais de outros órgãos médicos;
      • recorrer à autoridade da CADUCEUS para fazer alguma ação;
    • O Mestre pode invocar o Aspecto para:
      • fazer inimigos da CADUCEUS aparecerem na aventura;
      • alinhar as ações do personagem aos objetivos da CADUCEUS;
  • DELPHI – Você é parte da DELPHI, uma organização que deseja “abençoar a humanidade” com a doença e com a morte. Seus objetivos são simples: destruir todos os médicos e impedir que curas se tornem possíveis de outras maneiras senão a “natural”.
    • O Jogador pode invocar o Aspecto para:
      • Ter acesso à biotecnologia da DELPHI;
      • provocar epidemias de maneira insuspeita;
    • O Mestre pode invocar o Aspecto para:
      • fazer inimigos da DELPHI aparecerem na aventura;
      • alinhar as ações do personagem aos objetivos da DELPHI;
  • Toque de Cura – Essa é a habilidade de “paralisar o tempo” por alguns instantes mediante extrema concentração, desse modopodendo acelerar a cura de um paciente ou aumentar a chance de sucesso de um procedimento cirúrgico. Porém, o uso dessa habilidade é exaustiva, podendo até mesmo colocar em risco a saúde do médico.
    • O Jogador pode invocar esse Aspecto para:
      • Utilizar o Toque da Cura (mesmo mecanismo como descrito anteriormente, nas regras para FUDGE, substituindo-se Pontos de Embuste por Pontos de Destino). Cada uso exige uma marcação do Aspecto;
    • O Mestre pode invocar esse Aspecto para:
      • Causar ou aumentar os danos ao médico após o uso de Toque da Cura;

Organizações:

CADUCEUS:

Dividida em três ramificações principas (América, Europa e Japão), a CADUCEUS é uma organização transnacional ligada à OMS (Organização Mundial da Saúde) e à ONU. Seu principal objetivo é auxiliar na investigação, tratamento e cura de pandemias de ordem global. Com o surgimento dos GUILT e da DELPHI, sua função foi ampliada para combater o “Terrorismo Médico”. Originalmente apenas visando pesquisa e cura de doenças, recentemente foi adicionada à CADUCEUS um pequeno braço militar com objetivo de proteger seus integrantes em missões fora de suas bases de operação (respectivamente EUA, Suiça e Japão), principalmente quando as ações envolvem o “Terrorismo Médico”.
Embora a maioria de seus integrantes trabalhe nas sedes de cada uma das ramificações (que são independentes entre si, embora atuem de maneira conjungada e cooperativa por meio de seus presidentes e da OMS), existem muitos integrantes da CADUCEUS fora das sedes, atuando em pesquisa de campo e em zonas de epidemia. Apesar do recente acréscimo do braço militar, normalmente os integrants da CADUCEUS agem segundo o Juramento de Hipócrates, não sendo combativos e curando a todos, mesmo a inimigos como integrantes da DELPHI.
A CADUCEUS não age fazendo pressão sobre ninguém, nem mesmo sobre seus inimigos. Porém, sua reputação e a Influência que a mesma detêm sobre a OMS e a ONU permite que a maior parte de suas ações sejam bem
sucedidas, contando, muitas vezes, com o apoio (ainda que nem sempre incondicional) de governos e empresas para agir. Além disso, seus conhecimentos em Medicina e recursos financeiros são uma boa moeda de troca quando favores são necessários.
Os Integrantes da CADUCEUS estão entre os melhores na área de Medicina e correlatas (Biotecnologia, Patologia, Enfermagem, etc…) Também contam com uma infraestrutura de comunicações bastante forte. Apesar de suas ações serem um grupos pequenos (normalmente pares médico/enfermeiro, com 1 a 4 pares por time), suas ações são bêm coordenadas, ainda que deixando espaço para “improvisos”. Essa característica “frouxa” da CADUCEUS é que permite a ela que, ainda que sendo grande, atuar de maneira pontual e efetiva em focos de pandemia.
A CADUCEUS é uma organização de 30 fases:

  • Aspectos:
    • [][][] Recursos (Medicina) Ótimo
    • [][][] Recursos (Financeiro) Ótimo
    • [][][] Reputação Ótimo
    • [][][] Conhecimento (Medicina) Ótimo
    • [][][] Unidade Ótimo
    • [][] Influência (OMS) Bom
    • [][] Administração Bom
    • [][] Comunicações Bom
    • [] Influência (ONU) Adequado
    • [] Forças (Tropas) Adequado
  • Bases:
    • [][] Grande, Fortificada (EUA)
    • [][] Grande, Fortificada (Europa)
    • [][] Grande, Fortificada (Japão)

DELPHI:

Criada pelo misteriosos Adão, a DELPHI é uma organização criminosa e banida na maioria dos países, que deseja apenas “abençoar a humanidade” com a doença e a morte. Seus integrantes acreditam que cuidar das doenças é impedir a evolução do ser humano e que os médicos não tem o direito de dizer quem pode ou não viver. Por meio do “Terrorismo Médico”, ameaçando médicos e pesquisadores, criando vírus, bactérias e organismos patológicos por meio de engenharia genética, a DELPHI é a epitome da biotecnologia desviada para o Mal.
Não se sabe exatamente onde fica a base principal da DELPHI. Recentemente uma base em um navio no meio do Oceano Pacífico foi desmantelada pela CADUCEUS, com o apoio de seu braço militar e de tropas da ONU. Porém, tudo leva a crer que esse revés seja apenas temporário, com a DELPHI apenas tendo paralisado temporariamente suas ações.
Os agentes da DELPHI em geral são dedicados à criação e/ou disseminação dos organismos patológicos criados pela organização, e agem de maneira solitária, sem comunicação entre si na maior parte do tempo (o que garante seu segredo). Muitas vezes, podem atuar até mesmo dentro de pesquisas médicas e hospitais, sabotanto seus esforços e causando problemas.
A DELPHI organização de 24 fases:

  • Aspectos:
    • [][][] Recursos (Medicina) Ótimo
    • [][][] Recursos (Financeiro) Ótimo
    • [][][] Segredo Ótimo
    • [][][] Administração Ótimo
    • [][][] Comunicações Ótimo
    • [][] Conhecimento (Medicina) Bom
    • [] Unidade Adequado
    • [] Forças (Fanáticos) Adequado
  • Base:
    • [][][][] Grande, Fortificada, Oculta, Isolada

Alguns persoagens (Apenas FATE/AFIM, Apenas Aspectos):

Derek Stiles:

Novo, ainda “verde” na pesquisa e exercício da Medicina, Derek Stiles foi escolhido para ser parte da CADUCEUS por seu Toque de Cura. Obstinado e ocasionalmente disperso, Derek descobriu seu toque de cura em meio a uma cirurgia extremamente complexa de emergência, onde o paciente tinha uma série de destroços de um acidente em seu coração, uma cirurgia que, de outra forma, seria fatal. Depois de perder seu pai graças a um cancer, decidiu tornar-se médico, sem saber que era um dos “Descendentes de Asclépio” com o Toque de Cura. Após entrar sem saber em contato com um dos GUILT, Derek foi convidado aentrar para a CADUCEUS, onde foi importante para desmantelar a base da DELPHI no Pacífico.

  • [][] Médico (Cirurgia Geral)
  • [][] Toque de Cura
  • [] CADUCEUS
  • [] Disperso
  • [] “Vontade de salvar vidas”

Angie Thompson:

A Teuto-Americana Angie Thompson é muito nova, mas tirou o certificado internacional em enfermagem. Atuando em vários hospitais, foi alocada para trabalhar junto com Derek Stiles no Hospital Hope, após a antiga
enfermeira mudar de hospital. Dedicada e mandona, ela não botava fé em Derek, até ver ele atuar no caso do acidente onde revelou-se o Toque de Cura de Derek. Presente na cirurgia onde acidentalmente Derek entrou em contato pela primeira vez com um GUILT, Angie também entrou para a CADUCEUS, pois algo estava errado e ela precisava saber o que era.

  • [][] Enfermeira
  • [][] Educação
  • [][] Recursos
  • [] Mandona
  • [] Passado Negro (o pai é parte da DELPHI)

Greg Kasal:

Diretor do Corpo Clínico do Hospital Hope, é quem auxilia Derek em seu início de carreira e o orienta. Tranqüilo e amigo, Greg sempre mantem a cabeça em um único objetivo: salvar vidas.

  • [][][] Médico (Cirurgia Geral)
  • [][] Boa-praça
  • [] Autoridade (Chefe do Corpo Clínico)

Robert Hoffman:

Afastado das cirurgias por vontade própria, após “o acidente”, Hoffman também é dotado de Toque de Cura. Bastante compreensivo, ele ajuda Derek na decisão de ir ou não à CADUCEUS. Depois ele próprio assume o posto de Diretor Geral da CADUCEUS América.

  • [][][][] CADUCEUS
  • [][][][] Autoridade (Diretor Geral da CADUCEUS)
  • [][][] Médico (Cirurgia Geral)
  • [] Toque de Cura

Sidney Kasal:

Cirurgião e diretor da CADUCEUS América, Sidney é bem diferente de seu irmão Greg. Ele é frio e dedicado à função que escolheu, que é a de pesquisar medicina.

  • [][][][] Médico (Cirurgia Geral)
  • [][][] CADUCEUS
  • [][][] Autoridade (Chefe da CADUECEUS)
  • [][] Devoção (Medicina)

Stephen Clarks:

Principal cirurgião da CADUCEUS América, é também um dos principais pesquisadores da CADUCEUS. É simpático e camarada, e seu temperamento bom ajuda muitas pessoas a se curar.

  • [][][][] Médico (Cirurgia Geral)
  • [][][] CADUCEUS
  • [][] “Palavras de Carinho”

Cybil Myers:

Anestesista principal da CADUCEUS América, é ex-policial. Possui um temperamento frio e às vezes ríspido, por isso é apelidada de “Dama de Ferro”. Devido ao seu treinamento como policial, ela possui grande força de vontade e um caráter honesto, ainda que duro.

  • [][][] Médico (Anestesista)
  • [][][] CADUCEUS
  • [][][] “Dama de Ferro”
  • [][] Ex-policial

Victor Niguel:

Narcisista, egocêntrico e convencido, é o que se pode dizer de Victor Niguel. Chefe do Setor de Pesquisa e Desenvolvimento da CADUCEUS América, ele é um especialista em biotecnologia. Extremamente focado, detesta “idiotas” próximo a ele quando trabalhando (subententendo-se idiota qualquer um com QI menor que o dele). Tem a mania de xingar enquanto acompanha operações.

  • [][][] Pesquisador (Biotecnologia)
  • [][][] CADUCEUS
  • [][] Autoridade (Chefe de P&D da CADUECEUS)
  • [][] Egocêntrico
  • [][] Inteligente

Tyler Chase:

Formado junto com Derek, entrou para a CADUCEUS procurando uma cura para sua irmã, Amy, contaminada com uma variante do GUILT. Porém, cada vez mais amargo com a falta de progresso e após ver um professor morrer em meio a sofrimento, acabou aconselhando várias pessoas na prática de eutanásia, o que levou-o a ser conhecido fora da CADUCEUS como “Doutor Morte”. Tyler para com essa faceta após Derek auxiliar na cura de sua irmã e com isso, passa a lutar junto com os demais contra as pandemias, em especial contra as GUILT e contra a organização DELPHI, sua criadora.

  • [][] Médico (Cirurgião Geral)
  • [][] CADUCEUS
  • [][] “Doutor Morte”
  • [] Irmã Doente (Amy, 8 anos)

Powered by ScribeFire.